O que é a ISO 27701: Saiba as vantagens empresariais desta norma!

Share on linkedin
Share on twitter
Share on facebook

A ISO 27701, nasceu para complementar a norma 27001, na segurança das informações pessoais e privacidade.

Ou seja, funciona como uma extensão aplicando uma série de requisitos e controles, no tratamento de dados de terceiros.

Neste post, analisaremos as vantagens de se ter empresas com a ISO 27701, para proteção de dados de identidade.

Além disso, explicaremos a relação entre a ISO 27701, com a Lei Geral de Proteção de Dados do Brasil (LPDG) e o RGCP.

Também, iremos esclarecer as vantagens da implementação da ISO 27701 e LGPD, na seção de perguntas frequentes. 

Construindo a resposta: o que é a ISO 27701.

O que é a ISO 27701: vamos analisar quais são seus aspectos essenciais.

Antes de saber quais benefícios comerciais a ISO 27701 traz para a privacidade? Vamos analisar quais são seus aspectos essenciais.

Acima de tudo, esta norma reduz riscos e estabelece controles de cibersegurança e privacidade, principalmente protegendo os clientes.

Hoje, as informações são processadas virtualmente e as regras devem ser claras, para evitar fraudes e acessos indevidos.

Os utilizadores de qualquer serviço estão atentos e avaliam constantemente a capacidade das empresas em matéria de segurança.

A maior aspiração do cliente é encontrar sistemas robustos de segurança cibernética e a operação de padrões que contribuam para sua tranquilidade.

Esse aspecto faz a diferença entre uma empresa e outra. Capacidade de garantir: “dados pessoais protegidos em cofre”.

Sem dúvida, este é o principal motivo para a criação e implementação da norma internacional ISO 27701 e também um motivo para você querer saber o que é a ISO 27701.

Um estudo pioneiro das formas de privacidade por Alan Westin (Westin 1967) propõe dimensões: Reserva, Solidão, Anonimato e intimidade.

Por um lado, a solidão e o isolamento estão centrados no controle da interação pela pessoa.

No anonimato e na reserva, objetiva-se controlar seletivamente as informações prestadas, durante a interação com terceiros.

Ambos os aspectos geram debate: quais informações devem ser tratadas, armazenadas ou transmitidas? ou como garantir o processamento de dados pessoais?

As respostas a essas perguntas estão na ISO 27701. Ela especifica o tratamento, a avaliação e a classificação das informações pessoais.

Com efeito, ele identifica dados pessoais confidenciais ou não confidenciais e determina até que ponto as organizações têm o direito de usá-los.
Outro ponto da ISO 27701 é a exigência de que as empresas designem os responsáveis pelo tratamento das informações privadas.
Agora, se você optasse por deixar esse controle ao acaso, a frase: “alguém ou qualquer pessoa que guarda essa informação” ganharia força.
Por outro lado, o novo regulamento padrão oferece orientação para identificar ameaças à privacidade e estabelecer controles a tempo.
Em qualquer caso, a capacidade de resposta da empresa depende – em grande medida – de um protocolo de segurança exemplar como os implementados na ISO 27001.
Além do acima exposto, é útil projetar o nível de impacto de cada ameaça latente, para estabelecer a escala do risco.
Por exemplo, uma ameaça em sistemas de pagamento virtuais é a exposição de dados de cartão de crédito.
Se dados pessoais chegarem a terceiros, em minutos ou horas – deixaria- o proprietário dos dados, como um alvo fácil para golpes.
Outro caso, as páginas da web recebem informações das pessoas diariamente por meio de formulários. Mas, eles são livres para usá-lo como uma conveniência?

A resposta é não. O usuário tem direitos consagrados na lei, sobre o tratamento de seus dados pessoais e isso têm a ver com a essência do que é a ISO 27701.

Por que implementar a ISO 27701 na minha empresa?

Em 2017, a ISO 27701 era desconhecida. Apenas a ISO 27001 era conhecida pelo mercado; oferecendo respostas em matéria de segurança.

Diante do surgimento das comunicações virtuais, nasceu a ISO 27701, estabelecendo maiores controles para a gestão de dados pessoais.
Uma vantagem do regulamento é a não exigência de um novo sistema de Gestão, que se adapta perfeitamente a cada setor.
O ganho comercial está em ter as ferramentas para gerenciar e proteger os dados e a privacidade pessoal sem problemas.
Dados os requisitos adicionais necessários para a implementação do padrão certificável, as organizações têm uma vantagem competitiva.
Por um lado, as empresas se adaptam perfeitamente a norma e, por outro lado, cumprem as políticas da legislação de dados pessoais. 

O que é a ISO 27701, reflete diretamente no cumprimento a legislações, aqui no Brasil a adequação e cumprimento da LGPD e no caso da Europa a GDPR

Qual é a relação que a ISO 27701 espera com a LGPD e a GDPR?

Certamente, a ISO 27701 estabelece controles de segurança para proteção de dados pessoais, adaptando-se aos regulamentos LGPD e GDPR.
No Brasil, a LGPD foi aprovada em 2018, entrando em vigor em meio à pandemia, em setembro de 2020.
Da mesma forma, a referida lei é inspirada na GDPR da União Europeia (UE), ganhando o pseudônimo de “GDPR brasileiro”.
Então, eles têm em comum os regulamentos, que funcionam se você quiser juntos, para garantir a segurança das informações pessoais.

Uma olhada na LGPD

No entanto, o contexto global acelerou a implementação da LGPD, devido ao aumento das transações virtuais.
Um ponto marcante desta Lei é a unificação de requisitos no tratamento de dados pessoais online e offline.
No que diz respeito às consultas online, é necessário que as páginas web tenham o consentimento do utilizador para aceder aos seus dados.

Eles devem perguntar-lhe de forma inequívoca, se você concorda e permite o acesso aos seus dados, caso contrário, você incorrerá em penalidades.
O escopo de atuação da LGPD é amplo, aplica-se a qualquer organização que processe dados pessoais de clientes no Brasil.
Assim, protege não só os brasileiros, mas todas as pessoas que forneceram seus dados, enquanto estiverem naquela nação.
Mesmo que a empresa esteja do outro lado do mundo, se tiver clientes no Brasil, deve cumprir a regulamentação.
Agora, são 9 direitos fundamentais exercidos na LGPD, entre eles:
. Direito de deletar dados pessoais
. Direito de corrigir dados pessoais incompletos e imprecisos.
. Direito de revogar o consentimento.
. Direito de saber com quem compartilharam os dados, empresas públicas ou privadas.
Nos regulamentos LGPD, os dados pessoais são essenciais, quaisquer dados individuais ou acompanhados que identifiquem uma pessoa.
Na ausência deste regulamento legal, um terceiro teria acesso às informações e o poder de fornecer a você o tratamento que deseja sem restrições.
Agora, as empresas devem ter um Oficial de Proteção de Dados (OPD), que responde à Autoridade Nacional de Proteção de Dados.
É a Autoridade, órgão responsável pela fiscalização e pelo estabelecimento das sanções administrativas, em caso de identificação de práticas indevidas.
Como a ISO 27701, a LGPD classifica dados pessoais confidenciais com uma subcategoria de relevância para as organizações.
Ele abrange informações étnicas, raciais, de gênero, religiosas, políticas, genéticas, biométricas e de saúde.

o que é a iso 27701

Vantagens que a ISO 27701 traz para a organização

– Fortalece a confiança de clientes e colaboradores da empresa, salvaguardando a privacidade e os dados pessoais.
– Estabelece responsabilidades e medidas para o correto tratamento dos dados.
– Oferece transparência à gestão, incentivando o investimento de potenciais clientes.
– Define os controles para evitar incorrer em riscos que afetem a privacidade de terceiros.
– É facilmente alinhado e integrado com as normas ISO 27001, 27002, LGPD e RGPD.
– Melhora a interação interna e externa da organização.
– Oferece garantias de segurança durante a gestão de dados pessoais.

O que é a ISO 27701: Perguntas frequentes

Quais empresas devem aplicar a ISO 27701?
Todas as organizações podem implementar a ISO 27701 independentemente do tamanho, sejam elas públicas, privadas ou governamentais.
Por ser uma certificação internacional, é reconhecida em todo o mundo pela proteção de dados pessoais e privacidade.

Que etapas devo seguir para obter a ISO 27701?
A primeira é fazer uma avaliação da organização, para determinar se o sistema de gestão está de acordo com o padrão.
Dependendo do resultado, redefina os objetivos, que são claros e alcançáveis para a obtenção antecipada da ISO 27701.
Antes de optar pela certificação, é aconselhável realizar auditorias internas e corrigir possíveis falhas que afetem o desempenho.
No ponto anterior, as empresas optam por terceirizar a avaliação do sistema de gestão, como caminho mais seguro para o sucesso.
É obrigatória a contratação de consultoria para implantação da ISO 27701?
Embora não seja obrigatório contratar uma empresa, para se adequar e cumprir os requisitos da ISO 27701, facilita o caminho.
Uma equipe de especialistas na área desenvolve estratégias e até softwares integrados para obter a certificação internacional com mais rapidez.
O não cumprimento dos requisitos da ISO 27701 e LGPD gera multas e sanções legais?
A ISO 27701 reduz as chances de uma empresa incorrer em violações no manuseio de dados pessoais.
Decididamente, ter certificação internacional reduz as chances de não conformidade e é levado em consideração quando se trata de sanções.
No caso da LGPD no Brasil, ela tem um sistema de penalidades que começa a partir de advertências por violação.
Outras ações contra a privacidade pessoal resultariam em multas de até 2% da renda anual.

Conclusão

As organizações devem ter um Sistema de Gerenciamento de Dados Pessoais robusto, alinhado à ISO 27701 e LGPD.
É vital para o crescimento sustentado proteger as informações compartilhadas pelos clientes, caso contrário, a reputação e a confiança serão perdidas.
Além disso, o não cumprimento dos requisitos significa, com o tempo, penalidades financeiras significativas que atrapalham a reputação da empresa.
Se a empresa deseja crescer, ter a ISO 27701 permite escolher parceiros e entrar em novos mercados.
Agora, dizemos que você veio ao lugar certo para obter a certificação. Somos a Smart Quality, empresa especializada em auditorias de serviços de TI.
Oferecemos suporte especializado e suporte para cumprir os requisitos exigidos para obter a ISO 27701.
Você quer dar esse passo importante hoje?

error: Content is protected !!
Falar com consultor
Quer tirar dúvidas?